Como escrever um bom e-mail?

Como escrever um bom e-mail?

Preparamos 5 dicas para você aprimorar seus e-mails e melhorar a sua comunicação.

Quem nunca recebeu um e-mail sem pé nem cabeça e, no final da leitura, ficou se perguntando qual era o seu objetivo? Ou então, precisou usar outros meios de comunicação para finalizar a conversa e, finalmente, entender do que se tratava?

Falhas na comunicação são mais comuns do que você imagina e elas podem causar  muitos problemas e mal entendimento no dia a dia!

Se você quer simplificar sua vida, esse post é para você. Separamos algumas dicas para melhorar a sua comunicação por e-mail.

1. Educação em primeiro lugar

Esse item parece óbvio. No entanto, é muito comum recebermos e-mails mal-educados.

Evite escrever tudo em CAIXA ALTA. ISSO DÁ A SENSAÇÃO DE QUE VOCÊ ESTÁ SENDO RUDE E DE QUE ESTÁ GRITANDO COM O LEITOR. Deixe a CAIXA ALTA para palavras específicas e que precisem de destaque,  e não para frases inteiras.

2. Seja organizado

Para escrever um bom e-mail é preciso organização. Se você vai escrever um e-mail mais longo, por exemplo, abuse da formatação para organizar as ideias e chamar a atenção do leitor para os itens mais importantes. Além disso, evite conversas sobre outros assuntos no mesmo título. Ou seja, se o assunto mudar, você deve mandar um outro e-mail, com outro título, para conversar sobre o novo assunto.

3. Atenção ao português

Receber um e-mail cheio de erros de português com certeza vai causar uma má impressão nos seus clientes. Caso tenha alguma palavra no e-mail que você não tem certeza sobre a escrita estar correta, substitua!

4. Revise o texto

Certifique-se de duas coisas. A primeira: seu e-mail deve estar claro. A segunda: ele não pode ter nenhum erro de português.

5. Objetivos claros

Saber, com clareza, o que você precisa comunicar no e-mail é fundamental.

Para exemplificar, imagine que você precisa escrever um e-mail para avisar ao seu cliente que está confirmada a visita ao imóvel no dia 10/03 às 14h.

Ou seja, o objetivo do e-mail é confirmar a visita. Logo, qualquer outro assunto que não esteja relacionado à visita deve ser descartado.

Agora que você já sabe a teoria, é hora de colocar seus novos conhecimentos em prática e ver os bons resultados que eles irão trazer.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ANAPRO 2018 | Todos os direitos reservados